Delegado Jefferson Portela poderá pedir habeas corpus ao STF

Secretário Jerfferson Portela

A Câmara aprovou nesta terça-feira (18) requerimento de autoria do deputado federal Aluízio Mendes (PSL), que convoca o secretário de Segurança do Estado do Maranhão, Jefferson Portela, para prestar esclarecimentos à Comissão de Segurança da Câmara.

Delegado Tiago Bardal
O que motivou a convocação do Secretário, segundo o deputado, foram as denúncias feitas pelos delegados Tiago Bardal e Nei Anderson, de que ele teria mandado investigar desembargadores, juízes, deputados e adversários do Governador Flávio Dino sem o devido processo legal.

Deputado federal Aluízio Mendes
Ao usar a tribuna, Aluízio adiantou que se o secretário Jefferson Portela tentar intimidar qualquer deputado durante a audiência vai sair preso.

“Eu mesmo vou dar ordem de prisão em flagrante para ele”, afirmou.

Diante da ameaça de prisão, por parte do deputado Aluízio Mandes, Jefferson teria impetrado um pedido de habeas corpus, no Supremo Tribunal Federal (STF), para evitar ser preso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário