Alunos do colégio Almirante Tamandaré denunciam descaso do governo com a escola



Alunos do Colégio Almirante Tamandaré, no bairro Cohab, em São Luís se reuniram na manhã desta quarta-feira (27) para protestar contra o descaso da Secretaria de Educação do Estado com a escola.

O quintal está tomado pelo mato
Segundo os alunos, a entrada da escola está cheia de lama e o quintal tomado pelo mato. Os professores contratados reclamam que há três meses não recebem salários e ameaçam parar suas atividades.

Ainda segundo os estudantes, na escola falta merenda escolar e algumas salas de aulas apresentam rachaduras e correm o risco desabar a qual quer momento.

A falta de segurança também é motivo de reclamação dos alunos. No local não é difícil encontrar estudante vítimas de assaltos ocorridos nas proximidades do colégio.

Eles relataram que apenas uma vigilante faz a segurança do prédio da escola durante o período da noite e ainda poderá parar por estar a três meses sem receber seus vencimentos.

O secretário de Educação, Phil Camarão, - que estava sendo aguardo pelos alunos - não foi ao local, mas enviou representante.

Representatante do governo diz que problemas serão resolvidos
Segundo o representante do governo, todos os problema serão resolvido dentro dos próximos dias. Ele afirmou que o estado já repassou os recursos para a empresa responsável pela segurança e que os professores contratados já começaram a receber seus salários desde a última terça-feira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário